terça-feira, 22 de setembro de 2015

[Resenha]: Linda, como no caso do assassinato de Linda

Linda, como no caso do assassinato de Linda
Autor: Leif Gw Persson
432 páginas
Publicada pela Editora Intrínseca em 2015
3 estrelas
Bäckström dá mais trabalho a seus colegas policiais do que vários bandidos juntos. Mas o caso é dele. E não poderá ser arquivado sem solução. Suécia. Em um verão especialmente quente, Linda Wallin, aluna da Academia de Polícia de Växjö, é brutalmente estuprada e assassinada. Evert Bäckström, policial machista e autocentrado de Estocolmo, recebe a missão de comandar a investigação do crime e desloca sua equipe para a bucólica cidade. Egoísta, vaidoso e cheio de preconceitos, Bäckström não demonstra senso de dever ou responsabilidade. É um homem capaz de sentir afeto apenas por seu peixinho dourado e por garrafas de bebida - o retrato da mediocridade e da mesquinhez. Para resolver o caso, a resignada equipe de policiais precisará correr contra o tempo e seguir as escassas pistas que a intransigência de Bäckström não deixou escapar. No mundo cínico criado por Persson, povoado por abutres de todos os tipos, a justiça só triunfa parcialmente. Um romance impiedoso, mas que retrata a realidade de modo absolutamente hilariante.
Obra cedida em parceria com a Editora Intrínseca
A obra se passa numa pequena cidade de Suécia, local onde uma moça chamada Linda Wallin, foi assassinada e estuprada em seu apartamento. Uma jovem bonita, simpática e aluna da academia de policia de Växjö, local onde uma equipe policial vai para iniciar a investigação.

O designado a comandar o caso do assassinato de Linda, é o egocêntrico Evert Bäckström. Um homem cheio de estereótipos, egoísta e sem nenhum bom senso. Um homem que não mostra nenhuma dedicação no caso ou mesmo responsabilidade. Isso se mostra mais evidente através das reuniões sobre o caso de Linda e como ele decide investigar o caso: tirando o DNA de todos da cidade e descobrir quem realmente assassinou e estuprou Linda.

O que parecia um caso simples, acaba se tornando cada vez mais difícil e complicado de concluir. Principalmente quando aparece outros fatos e perigos como ocorreu no caso de assassinato de Linda.

"Linda, como no caso do assassinato de Linda", era uma obra em que eu tinha um grande interesse e curiosidade de ler. Mas, infelizmente a obra não supriu tanto as minhas expectativas, que já não eram tão altas.

O início da obra foi bastante interessante, me envolvendo e que se tornasse rápida. Mas, a partir da metade á diante, se tornou uma leitura lenta, arrastada e bem desestimulante. Os modos como os policiais investigavam o caso se tornava bastante repetida. Principalmente quando o único modo que eles investigavam eram por meio do DNA (o que fez com que a obra ficasse na mesmice).

Em relação aos personagens, em principal o designado a comandar o caso, Evert Bäckström, foram um dos pontos na qual a minha nota não foi tão positiva. O protagonista realmente é um personagem fútil, sem nenhuma virtude ou características em que o leitor simpatizasse com ele. Mas não posso deixar de comentar o quão o autor soube criar personagens reais, com características e atitudes de pessoas normais e com erros.

Não posso deixar de comentar do trabalho feito pela Editora Intrínseca que foi sensacional. Simplesmente amei esta capa e a revisão como sempre está impecável. A única coisa na qual me incomodou foi o tamanho da fonte da obra, achei bem pequena e incomodou um pouco a leitura, mas nada que me tirasse proveito da leitura.

"Linda, como no caso do assassinato de Linda", com uma escrita inteligente e acima de tudo, bem construída, nos mostra claramente a corrupção marcada atualmente no mundo, a falta de caráter e a desvalorização da mulher. O autor desenvolveu a obra de uma forma única e diferente. Deixando claro que não é atoa que seja um dos mais famosos criminologistas da Suécia.

Mesmo com os contras e pós-contras em relação a obra, recomendo a leitura. Para aqueles que estão procurando uma obra policial peculiar e diferente, esta será uma leitura interessante.

16 comentários:

  1. O que me chamou a atenção do livro foi, primeiramente, o título, haha. Eu sou super fã do gênero policial, então, claro que me interessei. Acho que não irei gostar desse Evert, (é raro eu não gostar de detetives/policiais, raro mesmo, jdksaijdsai) só pela sinopse e pelo o que você disse. Mas eu fiquei bastante curiosa pela história. E, wow, o autor é criminologista!!!1 haha. Vou marcar o título no skoob pra eu não esquecer.
    Obrigada pela dica ;)
    Kissus

    ResponderExcluir
  2. Olá :) Adorei a resenha! :D É a primeira que leio sobre esse livro, nunca tinha visto, achei o assunto muito interessante, gosto bastante de livros nesse estilo, com mistérios e investigação. :)
    Que pena que o personagem principal não é cativante. :/ Beijos! *-*
    Blog: http://my-stories-wonderful-books.blogspot.com.br/
    Página: https://www.facebook.com/BlogWonderfulBooks

    ResponderExcluir
  3. Quando vi a capa do livro, surgiu interesse em conhecê-lo, por não ser clichê. Ao ler o enredo, a violência de um estupro e a arrogância de um policial machista, quero mais ainda. De forma geral (Salvo alguns casos), é isso que vítimas de violência encontram: pessoas machistas e que enxergam a violência com indiferença e meritocracia.

    ResponderExcluir
  4. Gente eu to querendo ler esse livro faz um tempinho, parece ser muito legal e achoo que vou gostar muito, ainda vou comprar!

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bom?
    Adorei, mais um para minha meta de leituras!

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Ainda não conhecia o livro, mas fiquei bem interessada. A premissa parece interessante e com uma história inteligente, aumenta minha vontade =)
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Achei o enredo desse livro simplesmente fantástico, mas não é uma leitura que eu faria por não gostar d genero. Sei lá, eu sempre tento e acabo deixando a leitura de lado. Mas a capa e o título, são muito bons.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  8. A história não me atraiu, em parte por não curtir esse tipo de leitura e em outra por não curtir mesmo o enredo, haha. Achei que fosse ter algo relacionado a peste negra, essa capa me lembra isso.

    ResponderExcluir
  9. Olá
    Esse livro me chamou a atenção pela capa, e eu fiquei curiosa.
    Sua resenha de me deixou com mais vontade ainda de ler!
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Não sabe como adorei saber sobre esse livro, pois pela capa não daria nada, rsrs. Adoro livros policiais, e saber que tem uma trama inteligente e bem construída é demais!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  11. Irisvanda, eu não gosto de obras policiais só por isso o livro já não me chamou atenção e pelo que você falou da história e do personagem principal aí que eu me desmotivei de vez para ler.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  12. Oieee!
    Eu adoro obras policiais, mas nem sempre o aitor sabe conduzir bem a trama e cai nessa da mesmice. Acho que eu ficaria bem chateada em ler e de repente, a coisa ficar lenta e arraatada, mas mesmo assim... Gostei do enredo e vou deixar anotado aqui.
    Beijos

    Lumartinho.Blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Que pena que não alcançou a suas expectativas, mas parece tão interessante.
    A intrinseca sempre manda bem no trabalho, mas sinceramente não gostei da capa. rs. Eu não sou muito fã de policial, mas se tivesse oportunidade leria com certeza.
    Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  14. O livro aborda temas fortes.
    Já livros onde existe estupro na história e tal, mas foram gêneros completamentes diferentes, como new adult.
    Mas acho que eu leria esse, e saber que a escrita do autor é inteligente me deixa ainda mais curiosa. É claro que vou achar contras e prós-contras também, mas enfim.
    Amei sua resenha

    ResponderExcluir
  15. Oie, tudo bom?
    Nossa, não conhecia esse livro ainda. Eu gosto de tramas policiais, mas nesse caso esse livro não chamou minha atenção. Também não curti a característica do protagonista.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oii!

    Não conhecia o livro, mas amei a promissa ^^ Fiquei bem triste de saber que o livro não a agradou muito :/ Vou ler o livro, mas estou com um pouco de medo de não gostar.
    Amei a resenha!

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir

Arquivo do Blog

Visualizações