quinta-feira, 16 de abril de 2015

{Resenha}: Cante Para Eu Dormir - Angela Morrison

Cante Para Eu DormirTitulo: Cante Para Eu Dormir
Autor (a): Angela Morrison
Editora: Pandorga
N° de páginas: 364

Nota: 1,5

Cante para eu dormir revelará a dura realidade da vida, a energia firme da amizade e mostrará que o verdadeiro amor transcende tudo. O livro conta a história de Beth, uma garota que sofre bulling e passa toda sua infância sendo rejeitada por sua aparência. As únicas pessoas a aceitá-la são sua mãe e seu melhor amigo, Scott. Mas tudo isso fica para trás quando ela é convidada para ser a vocalista do coral da escola e recebe a transformação que lhe dará a oportunidade de conhecer um amor que vai além de tudo, até mesmo da própria vida. Derek é tão lindo, tão doce, tão fantástico que Beth acha que não merece, mas quer experimentar, mesmo estando á milhas de distância. Porém, existem segredos não revelados entre eles. A história reúne as mais profundas emoções humanas: decepções, tristezas, alegrias, amores e paixão, muita paixão, que ficará gravada em cada coração por muito tempo, mesmo depois do término da leitura. 

Na obra "Cante Para Eu Dormir", conhecemos a Beth uma garota que se considera feia, alta demais, rejeitada pelas pessoas da escola e do meio social, menos por sua mãe e Scott. Sempre foi apelidada na escola, principalmente por A Fera. Até mesmo pelo seu pai foi rejeitada quando a viu e disse: Como é feia! Mas mesmo com o rosto cheio de espinhas, cabelos indomáveis e bastante alta, Beth possui uma voz adorável e apaixonante, capaz de encantar todos ao seu redor.

Devido a sua voz e a capacidade de emocionar o público, ela entra para uma competição internacional e se transforma numa mulher simplesmente incrível, transformando cabelo, o rosto cheio de espinhas numa mulher realmente encantadora não apenas na voz. Scott sempre esteve ao lado de Beth, levantando e ajudando ela a não se incomodar com as ofensas que ela sofria. Carinhoso, fofo e lindo, Scott nutre um grande sentimento por Beth. Mesmo com a transformação, Scott preferia ela da maneira que ela era. Sem maquiagens, roupas elegantes, apenas a velha e tímida Beth de sempre.

Com esta nova oportunidade na vida de Beth, ela embarca para Suiça, para ser vocalista do coral da escola. Como nunca havia se apaixonado ou nutrido um sentimento por ninguém, Beth fica completamente encantada e apaixonada por Derek, um cantor de um coral bastante popular, que também está competindo. Derek é lindo, simpático e com uma voz simplesmente incrível que se encanta pela beleza de Beth, mas principalmente pela sua voz. Os dois se envolvem e acabam se apaixonando um pelo outro. Mas Beth não imaginava que Derek guardava sentimentos tão confusos e principalmente segredos dolorosos.

Opinando.

Na primeira vez que li a sinopse e uma resenha em vídeo, simplesmente tinha me encantado com o enredo. Realmente parecia ser um livro que iria chorar, me apaixonar pela protagonista, que iria realmente rasgar meu coração. Mas ao terminar o livro, meu mundo caiu e tudo o que eu imaginava era apenas uma grande imaginação da minha mente.

Um dos primeiros pontos que me fez cair no chão em relação a obra foi o exagero da descrição da protagonista. Beth é apenas uma garota que não se arruma, não se cuida e não tem nenhuma autoestima. A protagonista foi uma personagem muito superficial para mim, que não tinha maduridade suficiente e completamente possessiva por Derek. Confesso que o relacionamento deles era algo nada saudável, nada apaixonante. Vi apenas uma pessoa que tinha tesão e não amor. Uma personagem que pensava em apenas em ter relações com ele e que ficava dividida entre o melhor amigo e Derek.

Outro ponto que principalmente não me agradou foi o triangulo amoroso. A autora tentou criar um triangulo que infelizmente não teve nenhum sentido e nexo. Beth diz que ama Derek mas pensa no Scott e sente atração por ele. E um dos personagens mais encantadores e amáveis (Scott), acaba sendo colocado como o segundo plano da história.

O final tinha tudo para acabar com o coração de qualquer um. Realmente parecia ser um final avassalador, mas foi um final corrido, que não me trouxe nenhuma emoção mesmo terminando de uma maneira triste, a escrita da autora não me envolveu. Um livro completamente imprevisível, protagonista possessiva, que não tem nenhuma confiança em si, grudenta, que não sabe o que quer. Um enredo incrível, mas que na minha humilde opinião não foi bem desenvolvido.

Mas mesmo com todos os pontos negativos, teve pontos positivos também, como o Scott que entrou para a seleção dos personagens mais adoráveis e também por ser um livro em homenagem ao Matt Quaife, que foi inspirado na criação do personagem Derek. Não irei falar sobre Matt, pois seria um grande spoiler. Mas li sobre ele e é uma pessoa incrível. E também os versos de músicas criados que eram bem tocantes.
“Você pode ser o menino que vai curar meu coração? / Pode ser o menino que vai alimentar a minha canção? / Por favor, você pode ser meu amigo? / Pode ser o menino que vai me salvar? Pode ser o menino que me fará cantar? / Pode me ajudar a viver como a pessoa que realmente sou? / Se for embora, leve-me com você, / Pegue a minha mão. / Se for embora, leve-me com você, / Pegue a minha mão.”
Infelizmente foi uma obra que realmente não me agradou. Mas mesmo não tendo me agradado, espero que quem não leu, tenha a oportunidade de ler. Até porque todos temos opiniões diferentes. Eu não gostei mas você pode gostar (ou não).

22 comentários:

  1. Oi Iris!
    Sua resenha me deixou bastante surpresa. Ainda não li esse livro, mas assim como você só escutei comentários positivos sobre a narrativa. Pelo que você abordou dá pra perceber que a autora pesa a mão no drama e acaba não desenvolvendo bem aspectos importantes da história.

    Beijos
    Espero sua visita =)
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. oi Iris!
    Adorei a resenha, porque concordo com tudo o que disse, tive exactamente a mesma opinião, não me agradou muito o livro :) Mas pode ser que agrade a outras pessoas :)

    Adorei a resenha,parabéns :)

    ResponderExcluir
  3. Oi Iris, pelo jeito você ficou bem decepcionada com o livro. Gosto quando alguém tem fortes opiniões contra o livro e que consegue explicar bem, bem do jeitinho que você faz. Odeio que fiquem romantizando relacionamentos abusivos, e odeio isso de "ai eu sou feia", quando na verdade todas a meninas de livros, todas, são lindas. É um clichê atras do outro, patético e lamentável. Pela sinopse tinha tudo pra ser bom, uma pena que não souberam aproveitar. Gostei da resenha!

    Abraços, Pâmela

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito de como expressou as opiniões negativas, não sabia nada do livro, mas a sinopse não me agradou muito, pois me lembrou de muitos outros livros e filmes com historias similares. Acho que os autores tem que nos surpreender em livros com plota previsíveis...

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Bom, eu também não me agradei desse livro :(
    Só pelo fato da protagonista ser feia e ter que se transformar para ganhar o coração de alguém, eu já repudio. Por que nós mulheres temos sempre que ser deusas? Por que não somos aceitas do jeito que somos? E tudo isso pra conquistar um homem? Ah, por favor! heheheh
    O fato de ela cantar bem foi um ponto positivo pra mim. Eu realmente amo música e cantar, mas não nasci com uma voz muito boa, aí eu fico quietinha admirando quem pode ahhaha
    Poxa, é uma pena! A gente fica realmente frustrado quando tem expectativas com um livro e é decepcionado.
    Beijinhos, Amanda!
    E boa sorte com o próximo, que seja um que você ame <3

    www.expressodenarnia.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Iris, estou chocada com sua resenha, acho que esta é uma descrição exata do que estou sentido. Não li ainda este livro, que está entre os meus desejados faz tempo, mas até hoje nunca tinha lido algo tão duro (?) deste livro. Mas gostei, pois mostra sua sinceridade, o que é a melhor coisa.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  7. Olha eu sempre tive curiosidade de ler esse livro, mas nunca tive oportunidade.
    Eu simplesmente amei a sua resenha e acho que você abordou muto bem seu texto, porque me chamou bastante atenção. Espero ter a oportunidade de fazer a leitura assim que possivel. Adorei a maneira como você se expressou. Parabéns viu? Sua resenha tá muito boa mesmo.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/04/resenha-lista-de-brett.html

    ResponderExcluir
  8. Oi. A sinopse do livro dá a entender que leria basicamente o conto do Patinho feio, que gosto deveras. Mas, quando você discorreu sobre os pontos negativos, fiquei confusa. Me parece um livro clichê e cheio de esteriótipos... Assim que tiver uma oportunidade, darei uma foleada na livraria para compreender melhor...
    Livros de autoras feministas
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá, adorei a resenha. Adoro sinceridade. Eu não me interessei muito pelo livro de imediato. Mas talvez leia por curiosidade, um dia. E eu não curto muito triângulos amorosos. Ainda mais se for sem nexo, como você comenta. Rs

    beijinhos

    ResponderExcluir
  10. A proposta do livro em si não é ruim, gosto de quanto os atores lidam com a dinâmica dos preconceitos e conflitos escolares e familiares. Isto é, pra mim, muito importante. Vejo no meu cotidiano situações bem complicadas envolvendo crianças/adolescentes e famílias complicadas.Ontem mesmo tive de viver um dia sombrio e triste por causa de um aluno que foi agredido pelo pai ( eu sou professor em escola publica de região 'complicada'). Não gosto muito de ler resenhas sobre livros que o resenhista não gostou, claro cada um com suas opiniões. Eu mesmo prefiro não falar sobre livros que não gostei, eu os ignoro como se nunca tivesse ido de encontro a eles.

    ResponderExcluir
  11. Também fiquei confusa com a leitura do post, até certo momento já sentia meu coração inflando de felicidade pela protagonista e no seguinte murchando literalmente, vou ter que conferir para decidir rsrs bjss grata por apresentar a obra ...
    http://florroxapoemasepoesias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Não leria o livro, não me chamou muito atenção e acho que não iria gostar da Beth, mas o Scott me pareceu um personagem cativante, ainda mais por não se importar desde o início com a aparência dela.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  13. Iris, tudo bem? o/
    Menina, você me desanimou completamente para ler esse livro kkkk Eu só via comentários positivos sobre a história, o que me fez querer ler, mas depois de ler sua resenha passei a ver o livro com outros olhos, não sei se irei gostar dele tanto quanto pensava. Os seus comentários sobre a protagonista foram bem negativos e ela é do jeito que eu não gosto, por isso acredito que ela não ia conseguir me conquistar também :/ A questão do triangulo amoroso também não me agradou, acredito que assim como você iria achar que ele foi um ponto negativo. Enfim, acredito que esse livro não iria me agradar, pois você pontuou tudo o que eu não gosto em um livro kkkk

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Me encantei com a capa do livro, mas depois que li a sua resenha eu desanimei totalmente da leitura. Você levantou questões sobre a história que realmente me fizeram ver que essa não é a leitura pra mim.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá
    Nossa, nunca tinha visto uma resenha de alguém que não tivesse gostado do livro, eu tenho o livro e ainda tenho grande expectativa mas espero gostar bastante.
    Ótima resenha ;)

    http://realityofbooks.blogspot.com.br/
    Catharina
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oie, Iris!
    Primeira vez que leio sobre o livro e sinto muito que você tenha se decepcionado com a leitura. Às vezes o autor promete demais e nada cumpre, é triste. Mesmo que eu me apaixonasse pelo Scott também, acho que consideraria a leitura como um pequeno atraso. Sim, nem um livro atrasa nossa vida, mas digo mais em termos de "putz, eu poderia ter lido outro livro". Que a autora corrija seus erros nas futuras obras.
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando: Livre-se você também.

    ResponderExcluir
  17. Oi Iris, confesso que queria muito ler esse livro, sabia que ia chorar e tudo mais, mas menina... você me desestimulou hahaha
    Adorei a sua resenha! A sua sinceridade... acho que isso é extremamente importante sempre. Parabens!

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  18. Ola Iris lindona eu sempre evitei esse livro devido as fortes emoções, mas não sabia que tem triângulo amoroso ainda mais um meio sem nexo. Vou continuar evitando a leitura. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  19. Oi tudo bem! Vc conseguiu pesar bem o lado positivo e negativo, dando um leque de opções para o leitor, confesso que fiquei curiosa, assim que possível vou ir atrasada leitura. Parabéns!

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  20. Oi querida,
    Nossa que ruim que não gostou do livro. Eu li e me encantei. Talvez por não ter tantas expectativas em cima do mesmo, chorei me lamentei e adorei a história. Consegui enxergar por trás de tudo e o final me deixou sem chão, tanto que fiquei uma semana depois com aquela ressaca literárias. Enfim cada um tem gostos diferentes ne?
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Oi!
    Na verdade o gênero já não é bem o que gosto, então seria bem difícil eu ler, com sua resenha ficou impossível. kkkkkkkk
    Adorei sua resenha e a sua sinceridade. É uma pena que o livro não tenha te agradado, mas paciência, as vezes acontece. rs
    Beijo

    canastraliteraria.blogspot.com.b

    ResponderExcluir
  22. O livro realmente parece ser arrebatador só pela sinopse, que pena que ele acabou te decepcionando um pouco, infelizmente quando lemos um livro do qual tinhamos altas expectativas, podemos acabar não encontrando o esperado :/
    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir

Arquivo do Blog

Visualizações